domingo, 30 de março de 2014

JANTAR INFORMAL de 15 ANOS! Parabéns Isabelle Eduarda Cunha de Freitas

As festas são eventos onde celebram-se acontecimentos importantes na vida de uma família ou grupo social. Podem variar de acordo com outros motivos agregados a está, por exemplo o status social a ser exibido, ostentações, congregar pessoas de uma mesma cultura e ideologia, agregar e unir familiares e amigos, pura diversão e passa tempo! É geralmente o desejo de compartilhar e usufruir de alegria em conjunto a outras pessoas!
Este poste vem abordar com alegria o tema Festa!
Mas primeiramente é uma homenagem à minha filha Linda Isabelle Eduarda CF, que irá fazer 15 anos em 16/4/2014.
Depois de muitas conversas em família, minha filha Duda, decidiu que ao invés de festa tradicional, quer ganhar uma viagem à Europa ou aos EUA! Amei sua decisão, mas embora eu ache lindo uma festa, cada vez que vou a uma ( seja festa de 15 anos, casamento, etc), percebo que não é um investimento e termos financeiros, mas é puro sonho de se viver um curto momento que dura de 5 a 10hs geralmente, e os gastos são tenebrosos!
Então, quem quiser copiar a ideia que decidimos em família, junto a minha filha, pode! Vou inclusive dar dicas, etc...
JANTAR INFORMAL de 15 ANOS! 
Parabéns Isabelle Eduarda Cunha de Freitas

Então, um aniversário pode ser comemorado de acordo com o desejo de cada pessoa!
Minha filha preferiu um jantar íntimo informal! Onde serão convidados seus familiares e amigos mais íntimos.
No caso de um jantar íntimo como da minha filha Duda, foi necessário alguns cuidados! Vamos ver? Passos:

- Primeiro passo é fazer uma listagem dos convidados (para poder procurar o local mais adequado para o jantar!);

- Escolher o local mais apropriado de acordo com o que se deseja, e acerte tudo com pelo menos 30 a 20 dias de antecedência ( neste caso, escolhemos um restaurante de alto nível em nosso Estado);

- Desenvolva os convites a gosto, que precisam ser bem feitos e com bom acabamento, porém não há a necessidade de que sejam elaborados apenas em casas especializadas (minha filha elaborou ela mesma no computador, utilizando o Photoshop, onde escolheu seu tema preferido e montou uma arte em conjunto com suas fotos!);

- A entrega dos convites com pelo menos 15 de antecedência.

- verifique com o restaurante uma decoração mais requintada para a mesa do jantar, ainda que seja informa! 



- Disponha na mesa os brindes para cada convidado. Existem variedades imensas de brindes, que vai depender do gosto de cada um, respeitando o tamanho da mesa, e os outros pratos que serão servidos (para que não atrapalhem o espaço total da mesa e acabem incomodando! Pequisei uns brindes na internet! Veja abaixo:







- O vestido não deve ser um dos tradicionais de 15 anos, mas podem ser criativos e bem elaborados! Como os que encontrei no site da Capricho http://capricho.abril.com.br/blogs/15anos/vestido/acessorios/!



- E por fim! Uma Surpresa!!! Só poderei contar depois dos 15 anos da minha filha linda!!!

- E é claro! A viagem tão sonhada! Se Deus quiser!




















sábado, 29 de março de 2014

@ Há Milhões de Anos-luz?

Deixaram os Sere Humanos seu Egoísmo?

Quantos anos-luz,  quantas pesquisa, quantas catástrofes ainda precisaram ocorrer par a que se descubra, que ninguém está só, mas que precisamos uns dos outros, pois somos reflexos de nós mesmos, como clones uns dos outros, e precisamos compreender que a existência humana é para aprendermos a cuidarmos uns dos outro, aprendemos a dar carinho e a receber amor...
O que faz do ser humano um ser especial, é o amor que cuida, que dá gratuitamente, que se preocupa em trazer felicidade a toda terra! Mas é preciso força, união e determinação dos povos! Juntos somos mais fortes!!


http://joserosafilho.wordpress.com/2013/04/09/capacidade-empatica-x-egoismo-social/









A XVIII Feira Pan-Amazônica do Livro 2014

A XVIII Feira Pan-Amazônica do Livro, que acontecerá entre os dias 30 de maio e 8 de junho de 2014, vem cheia de novidades. Os grandes homenageados desse ano são o Qatar e o autor amazonense e descendente de libaneses, Milton Hatoum.https://www.facebook.com/feirapanamazonicadolivro











sexta-feira, 28 de março de 2014

NOSSA PÓS-MODERNIDADE!

@ E a Era do Acesso foi anunciada!

No decorre da história tudo tende a mudança, hoje tudo ocorre a velocidade da luz! Muito já foi perdido desde a existência humana, hemos tantos talentos em nossas mão, tanto estudo e conhecimento; infelizmente colocamos o dinheiro e o lucro acima de tudo, sempre foi assim, foi até pior!

Quantos milênios serão necessário para que o homem se torne para o bem e o amor, não só dos seus, mas de todos!

A Pós-Modernidade anuncia mudanças estranhas, drásticas e para nós acostumados, tudo muito normal!

Nossa vida só estará realizada, quando cuidarmos uns dos outros, com carinho, respeito e amor!
Não adianta tanta tecnologia, desenvolvimento material, riquezas, enquanto vidas estiverem se perdendo, sofrendo ou estiverem impedidas de serem felizes! 

Sofre uma pessoa, sofre toda a humanidade e sofremos nós!

A verdadeira riqueza, somos nós! A verdadeira riqueza é ajudar outras pessoas a serem felizes!

Todo sofrimento vem do medo de sofrer como o outro, toda dor vem também do sofrimento do outro, seja este outro de qualquer país, comunidade ou nação.

... E ser forte o suficiente para suportar a ingratidão, o desprezo e as ofensas!!! Lamentável mesmo é um sere humano ingrato!

quinta-feira, 27 de março de 2014

Suas Prioridades na Vida são o que constroem o Mundo

Mundo Melhor ou Pior para Todos?



As nossa prioridades na vida, individuais ou comunitárias, constroem o mundo em que vivemos, se o lugar ou país que você vive está mal, dê uma mudada nas prioridades de sua comunidade, e quem sabe até em seu país, aí verá a melhora real! Quais suas prioridades? As minhas são:
1 -  Deus é Amor
2 - Família, saúde e educação
3 - Dinheiro bem aplicado e dividido para toda a população... Em busca de uma vida feliz para todos os seres vivos e para o nosso planeta terra!



Enquanto Houver Sol

 
Titãs
Enquanto houver sol (2003)
Sérgio Britto

Quando não houver saída
Quando não houver mais solução
Ainda há de haver saída
Nenhuma ideia vale uma vida 
Quando não houver esperança
Quando não restar nem ilusão
Ainda há de haver esperança
Em cada um de nós, algo de uma criança

Enquanto houver sol, enquanto houver sol
Ainda haverá
Enquanto houver sol, enquanto houver sol

Quando não houver caminho
Mesmo sem amor, sem direção
A sós ninguém está sozinho
É caminhando que se faz o caminho
Quando não houver desejo
Quando não restar nem mesmo dor
Ainda há de haver desejo
Em cada um de nós, aonde Deus colocou

Enquanto houver sol, enquanto houver sol
Ainda haverá
Enquanto houver sol, enquanto houver sol

quarta-feira, 26 de março de 2014

 @ Sem tempo ou não sabe por onde começar a aprender outro idioma, basta olhar o "Olhar na Web” qe traz dicas interessantes de portais com cursos de idiomas online totalmente gratuitos...
http://olhardigital.uol.com.br/video/aprenda-idiomas-pela-internet-gratuitamente/34632

terça-feira, 25 de março de 2014

Meu Primeiro Livro!


@ apresento aos meus amigos, um pequeno trecho do meu primeiro livro, que se Deus quiser sairá ainda este ano de 2014!
Não vou dar o nome, segredo! Mas é relativo a educação brasileira e quem sabe mundial?!?! Sonhossss!
" Ao invés de falar de capacidade, o termo que deveria ser utilizado é capacitar, e como capacitar se não há acesso real, principalmente em momentos críticos sociais; vivemos a era da informação e conhecimento, onde saber não é só teoria mas a esta, prática alicerçada, cujo conhecimento é dever da família e de toda a sociedade para com todos que dele necessitem, pode-se oferecer todo ensino de qualidade e quantidade diversas, mas sem o real acesso a este mesmo ensino, tal se revelará elitista e desigual.
Não adianta as melhores escolas, melhores professores, complexos compêndios educacionais, etc, quando o acesso ao que se resume a educação é apenas fictícios metamorfoseado em números estatísticos complexos de pesquisas governamentais ou seja lá de que outra espécie.
O ensino superior, não é mais um ensino para os mais capazes ( ver CF88), e vai contra todos os pressupostos básicos da própria constituição, e não adianta procurar culpados de discurso falso, que escondem o direito a educação de mais alto nível a todos as pessoas de qualquer país que seja.
Capacitar antes de mais nada é dar acesso de toda e qualquer maneira, que não desqualifique a educação em si, mas respeite o aprendizado do ser humano em suas peculiaridades e em sintonia com uma melhor forma de se viver para todos. Que existem o céticos, egoístas, avarentos, etc, e que todos temos em certas doses os mesmos defeitos e qualidades, já se sabe, e isso mesmo nos faz iguais, mesmos que sejamos também muito diferentes uns dos outros, por isso é que somos classificados como seres humanos talvez. Este mesmo ser humano precisa como se por espelhos, agir em pro de si e dos outros como seus iguais, independentemente de suas diferenças, para que todos possam ter o direito de se realizar como pessoa respeitando a si é aos outros.
É claro que não se deve confundir acesso com facilitação por meio da desqualificação da educação, mas oferecer gratuitamente as ferramentas necessárias ao aprendizado do ser humano.
Não adianta se falar em acessibilidade só em relação aos pobres, ricos, portadores de necessidades, idosos, etc, se não se levar em conta a gratuidade para todos, vagas abundantes seja em qualquer escola, a distância, ou aonde é quando se necessitar ou quiser..."
Autora: Esc. Profª de arte Flávia Catarina LCF 2014
Curtir ·  · 

MEU PROFESSOR! TE AMO!

@ Enquanto vc vai se alienando os políticos estão ali, alienando seu bens e o seu futuro!!!!rsrsrsrsrsrsrsr
Verdadeiros heróis da sociedade, uma sociedade que cuida de seus professores, cuida de si mesma com amor, pois estes, convivem com nossas crianças, nossos jovens e adultos todos os dias e momentos de suas ou nossas vidas! Convivem conosco mais que nossos próprios pais, amigos e parentes!

sexta-feira, 21 de março de 2014

PA PA PA PAPEL


papel é constituído por elementos fibrosos de origem vegetal que formam uma pasta, que depois de seca é distribuída sob a forma de folhas ou rolos; são utilizados para escrever, desenhar, imprimir, embalar, etc.

Os homens sempre desenharam sob as mais variadas superfícies para representar sua imaginação e raciocínio; tais como paredes rochosas, tablete de barro, tecidos de fibras, papiros, folhas de plantas, etc. O papel advém da necessidade humana de criar suportes mais adequados para as representações gráficas. 
É atribuída a Cai Lun ou Ts'ai Lun da China a criação do papel por meio da polpação de redes de pesca e trapos, e mais tarde usando fibras vegetais. Processo de cozimento forte das fibras,  batimento e esmagamento destas, originando uma pasta obtida pela dispersão das fibras que depurada formava uma folha sobre uma peneira feita de juncos delgados unidos entre si por seda ou crina, e fixada sobre uma armação de madeira. A folha celulósica formava-se mediante uma submersão do mesmo na tinta contendo a dispersão das fibras ou mediante o despejo da certa quantidade da dispersão sobre o molde ou peneira.
Nos últimos 20 anos, a indústria papeleira, avançou notavelmente, no entanto as cinco etapas básicas de fabricação do papel se mantêm: (1) estoque de cavacos, (2) fabricação da polpa, (3) branqueamento, (4) formação da folha, (5) acabamento.
O papel comercialmente é vendido em tamanhos predefinidos como Carta, A3 e A4; estes tamanhos se baseiam em sistemas reconhecidos oficialmente por convenções, como o sistema internacional ISO 216, e os formatos adotados nos EUA e Canadá (como o Letter). No caso do ISO 216 as dimensões são agrupadas em  "família", onde os valores crescem na proporção onde a altura de um papel passa a ser a largura outro.